A empresa Vale do Rio Doce passou, há alguns meses, por alterações que fizeram dela uma marca com melhor reconhecimento e fixação internacional.

O primeiro passo foi a mudança do logo da mineradora que se tornou mais colorido e esteticamente mais anatômico com curvas e sombreados. O logo foi criado pela empresa brasileira Cauduro Martino em parceria com a americana Lippincott Mencer, especializada em branding e design. Esta medida agrega a mineradora um ar de novo e atual já que a Vale quer se lançar agora ao mundo.

Outra medida importante para maior aceitação mundial foi o emprego do nome “VALE” e não mais de “Companhia Vale do Rio Doce” o que melhora a sonoridade da marca e facilita sua pronuncia pelos “gringos”.

Para anunciar tais mudanças a Agência Africa criou o filme “Surgimento” que conta com um jingle criado pelo próprio Nizan que diz que todo brasileiro gosta de colocar apelido.

O presidente da mineradora aprovou a campanha: “Em qualquer lugar do mundo, a pronuncia Vale é fácil. Vale significa valor. É um nome curto e de fácil fixação. O logo, eu vejo um coração, porque adoro essas coisas de emoção. Pode ser um símbolo de infinito. Ao mesmo tempo, é um símbolo de vale e de uma mineração a céu aberto já em seu plano final. Se colocar de cabeça para baixo, parece o triângulo de Minas Gerais.”